quarta-feira, 15 de setembro de 2010

NEM TUDO É O QUE PARECE












A vida é um constante movimento
Onde muitos desviam dos seus caminhos
E acabam se perdendo na vida
Ao se prenderem em paixões tresloucadas
Apenas por não se darem conta
Que a verdadeira razão de viver
Deve ser enlaçada pelo verdadeiro amor...

Nesse mundo, nem tudo é o que parece
Há mudos que não são surdos...
Há surdos que não são cegos...
Há cegos que não loucos...
E há os loucos que aparentemente não os são...

Mudos, surdos, cegos, loucos
Movimentam-se harmoniosamente...
Mudos, surdos, cegos, loucos
Sabem definir o amor em suas mentes...

Em tempo:

Deus ama os mudos que amam os surdos
Os surdos que amam os cegos
Os cegos que amam os loucos
Os loucos que carinhosamente me amam
E cada um ao seu modo busca uma forma de amar...
As vezes tudo que uma pessoa precisa
É de uma mão amiga para segurar
Um coração afável para entendê-la
E um verdadeiro amor para se entregar de corpo e alma...

Autor: Manoel Carlos Alves - São Paulo = Brasil
Poemas & poesias & pensamentos;  http://inkdesignerstampas.blogspot.com

Nenhum comentário:

Postar um comentário