quinta-feira, 30 de setembro de 2010

SAFRA ESPECIAL























Sobre a luz resplandecente do luar belíssimo
Nós brindávamos a vontade
Com vinho de uma safra especial
Eu, o amor e a saudade...

Em cada taça sempre repleta
Transbordante de desejos
E uma vontade incontida
De te abraçar, te cobrir de beijos
Antes de me apagar e dormir
Sem ao menos consumir
A última taça de vinho
Vinda de uma safra especial...

Essa loucura, abalou as estruturas...
Tão ébrio, estou a mercê do teu querer
Então minha Deusa!!!
Deixe-me embrenhar em teu corpo
E profundamente, me deliciar no teu prazer...

Autor: Manoel Carlos Alves - São Paulo = Brasill
Poemas & Poesias;   http//inkdesignerstampas.blogspot.com

Nenhum comentário:

Postar um comentário